Category: Sem categoria


Madame Lennormand

Este Método  de Leiura com seis cartas  pode ser lido com jogo Tarot  de Marseille ,  Oráculo de Belline ou Bleu

Para saber o que o “outro” pensa de si , ou ( para melhorar ou resolver qualquer situação , esclarecer)

Primeira linha de duas cartas,

Uma linha composta por uma único carta

Depois mais duas cartas  e um carta passado.

Método de Leitura

Deixo ao seu critério a disposição das cartas

Casa 1 –  descreve a forma como a pessoa é, ou  projecção  no relacionamento.

A casa 2 – descreve a forma como a pessoa vê o consultor ,ou se projeta no relacionamento, o que ela vê ,  (ele ou ela tem em sua vida).

O casa 3 –  mapa descreve as intenções imediatas e quais são seus planos com o consultor

A casa 4- descreve o que se espera do consultor, como ela gostaria de ver em sua vida, o papel que pretende dar

A Casa 5- descreve os seus medos ou receios  de viver com ele. Que tipo de relacionamento que ela/ela  quer evitar , ou que não lhe convêm . Este  mostra a atitude a não ser com essa pessoa.

A Casa 6 – Descreve seu projeto com o consultor , como ela vê o relacionamento no futuro, o que tenciona fazer longo ou  a curto prazo ,  planos para integrar o consultor em sua vida.

Tarotoraculos

Obrigada pelo vosso interesse

Ana Paiva

 TAROT THOTH

MÉTODO de LEITURA – “Quem sou eu”.
Spirits do Círculo Spread

Seis influências que estão a afetar a sua vida – ajuda a explorar o sentido de identidade do consultante , em busca da eterna questão, “Quem sou eu”

a disposição das cartas é a seguinte

2……………………..7……………………4
………………………..1…………………….
5……………………..6……………………..3

Carta 1: O Self consultante – como se sente neste momento ou os problemas que estão enfrentando em sua vida

Carta 2: Espírito dos Ancestrais – influência dos mais velhos da família – ancestralidade genética ou familiar

Carta 3: Spirit of the Tribe – influência de amigos da cultura, ou a comunidade que o rodeia.

Carta 4: Spirit of Time – influência do tempo que você está vivendo, pela idade idade ou pela fase da vida que vo tenha atingido.

Carta 5: Spirit of Place – influência de casa ou região do país você vive.

Carta 6: Spirit of the Journey – influência de vidas passadas

Carta 7: Awen – presentes / bênçãos / graças dos deuses ou da natureza – como você está sendo influências pelo Espírito.

(Não traduzi pois perde o sentido a identidade.)

Obrigada pelo vosso interesse
Tarotoraculos

Ana Paiva

METODO DE LEITURA – A PORTA

MÉTODO DE LEITURA- A PORTA  TAROT THOTH (Com Base no Livro de TAROT THOT )

Este é um dos métodos de Thoth que considero mais interessante, (tambem  com Tarot  Marseiile )

 

A INTERPRETAÇÃO: O nome da Porta (1) é apenas a fachada externa e corresponde a uma públicação  no início de um artigo de jornal.
O buraco da fechadura ( CASA 2) esclarece mais um pouco.  A carta mais importante sobre que está por vir se encontra na CASA  8. Ela mostra, a longo prazo, para onde conduz caminho através dessa Porta.
A CASA - 10 indica. a curto prazo, uma sensação ou um acontecimento ao ultrapassar a soleira da Porta. Interprete essa carta em primeiro lugar para avaliar se vale a pena abrir a Porta.
As CASAS 6 e 7 refletem expectativas  subjetivas do consulente. Examine –  se  se elas têm fundamento ou não. Para isso, compare – se  as carta na CASA  6 com a CASA  8 (perspectivas a longo prazo) e a Carta na posição 7 com a 10 (experiência a curto prazo). As condições essenciais para alcançar a Porta encontram-se nas posições 4, 5 e 9, assim como também a chave na CASA  11. com a qual poderemos abrir a fechadura que manteve a Porta trancada até…

—————1————6e7 3……………………….11 2…………8 e 10 4……………..9 .. ……………. 5……………..9 …………..11

O que me espera atrás da próxima porta, limiar, desafio, etc.? Devo arriscar  a dar um determinado passo?

Assim

O que terei pela frente ???  SIGNIFICADO DE CADA CASA :

1 = nome da Porta. Esse é assunto em questão.

2 = buraco da fechadura. Uma primeira idéia sobre que se encontra por trás da Porta.

3 = a fechadura. Ela mantém a Porta fechada até agora.

4 = a maçaneta. Ela é necessária para abrir a Porta.

5 = Isso conduz até a Porta.

6 = esperança e temores. As expectativas do consulente sobre que possa estar por trás da Porta.

7 = a postura do consulente com relação à Porta.

8 = que há de fato por trás da Porta.

9 = onde a Porta se encontra.

10 = que acontecerá quando a Porta for aberta.

11 = a chave que abre a Porta e que deve caber na fechadura (3).

Observação: Não precisamos atravessar todas as portas. As cartas podem também nos alertar sobre uma cilada. Nesse caso,  deve-se  guardar a chave em um lugar bem seguro!.

 

Este Método com TAROT THOTH lê–se com todas as cartas, ou seja, baralha e corta. Com O TAROT DE MARSEILLE pode lêr-se com todos os Arcanos maiores numa primeira Leitura , e cobrir com os Arcanos Menores

Obrigada pelo vosso interesse

Tarot oraculos

Ana Paiva

TAROT de MARSEILLSE  TAROT THOT -CRUZ ANK

Com tarot de Marseille pode ler apenas com os Arcanos Maiores depois cobrir (esclarecer ) com os Arcanos Menores. Com Tarot Thot deve utilizar o baralho todo.

………..5 ……..3………4 …….6 ……..1………2 ……7 ………8 ……9

O SIGNIFICADO DE CADA POSIÇÃO: ou Casas 1+2= dois impulsos, energias ou posturas que se bloqueiam, entre os quais o consulente se sente dividido32
Carta Casa 3 = causas anteriores
Carta 4 = causa que provocou a situação
Carta 5 = consciencialização elevada
Carta 6 = consequência necessária Pressupondo que a consciencialização (5) ocorra, e a consequência seja assumida, seguem-se as próximas três cartas:
Carta 7 = o próximo passo
Carta 8 = experiências surpreendentes
Carta 9 = O resultado Procedimento e interpretação:
O consultante deve descobrir o conflito ou a contradição existente entre as cartas 1 e 2. so consiste a dificuldade dificuldade na sua disposição. Principalmente quando ambas as cartas representam temas agradáveis, não é fácil reconhecer onde o problema se no entanto , sem esta compreensão, a interpretação torna-se carente de objectividade.

Em seguida, a interpretação das cartas 3 e 4, a primeira, com frequência, só pode ser compreendida vagamente.
A ênfase da interpretação deve recair sobre as cartas 5 e 6, porque somente os passos associados a elas tornam possível uma solução. pode- se utilizar para a carta na posição 5 a sua interpretação
(que se encontram na rubrica PLANO DA CONSCIÊNCIA) no livro de Tarot Thot.
e, para a carta na posição 6,
De seguida , as cartas nas posições 7 a 9, que indicam as perspectivas futuras.

Tarotoraculos

obrigada pelo vosso interesse

ORACLE BLEU

Este método pode ser utilizado para a leitura de :Tarot Thoth, Tarot de Marseille, Oraculo de Belline ,e Oraculo Bleu

 

AS 12 CASAS e o TAROT THOTH E BELLINE

CASAS 1 e 7 – Eu/Tu.

CASAS 4 e 10 – O “DE ONDE ” e o “PARA ONDE “.Os elementos das casas ( de trítonos)

CASAS 1, 5 e 9 – ( o Tri. ) -Do Fogo revelam, quase algo sobre o temperamento e desenvolvimento pessoal. do trabalho.

CASAS 3 e 7 e 11 – (o trí) Do AR reflecte o plano dos pensamentos, das ideias.

CASAS 2, 6 e 10 – (o trí.) Da Terra corresponde ao mundo do dinheiro e do trabalho.

CASAS 4, 8 e 12 – o (trí) Da Água representa os sentimentos e a intuição, os desejos e os estados de espírito.

Com base no Livro do Tarot Thoth
Leitura semelhante à do Tarot De Marseille

O Calculo da Síntese no final de cada Leitura de THOT.

cont.

Publicada por tarotoraculos 0 comentários Hiperligações para esta mensagem

Etiquetas: TAROT THOT – 12 Casas

Reacções:

 

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

ORACULO DE BELLINE /TAROT MARSEILLE- M’ETODO DE LEITURA – As 12 CASAS

                       

As cartas são dispostas  em circulo Tal como no Tarot




Casa 1- O Consultante - O seu estado de espírito , as possibilidades que se lhe apresentam, as suas capacidades.

Casa 2-A Situação Material – no quotidiano, os ganhos adquiridos com o trabalho.

Casa 3 – O Meio Próximo – As viagens pequenas, os escritos, as faculdades intelectuais, os pequenos estudos, correspondência.

Casa 4 - Aonde se habita, a casa , a família

Casa 5 – Vida sentimental – os prazeres, os Hobbies, paixões, as obras, as criações artísticas.

Casa 6 - O trabalho , a saúde

Casa 7 – O Meio ,A vida exterior, ao consultante, as associações ou associações afectivas.

Casa 8 -As transformações Profundas – Interiores- Os capitais as heranças, créditos, transacções, investimentos

Casa 9 – A Lei - A administração em geral

Casa 10 – A religião filosofia, espiritualidade, grandes viagens, estudos avançados, ou diversos.
Casa 11- os projectos, as esperanças, os apoios, e as relações.


Casa 12- As iniciações secretas, as coisas escondidas, as provações e as dificuldades, o que nos impede de…………..




Como no Tarot, pessoalmente considero a leitura mais esclarecedora, associo as Casas no final da Leitura,


Casa 1 e casa 7
Casa 4 e Casa 10
Casa 2 e Casa 8….
Casa 3 e Casa 9
Casa 5 e casa 12
Casa 6 e 11


A Roda Astrológica THOH E MARSEILLE E BLEU  E BELLINE


As Casas – 1 e 4 - As informações sobre Estado de Espírito do Consultante e sobre a sua Natureza a Casa 4 as bases adquiridas
A Casa 7 informa as tendências do consultante
A Casa 10 – indica o resultado do tema do Ano

Seguidamente a leitura para da situação Material,Social e Afectiva

Casa 2 e Casa 8 – Situação Material 

Casa 6 e Casa 10 – Situação Profissional 

Casa 5 e Casa 7 – Situação Afectiva 

A Casa 4 – Se o consultante é casado 

A Casa 6 e Casa 12 – Saúde 

A Casa8 e Casa 9 – Espiritualidade 

A Casa 3 – viagens 

A Casa 9 – projectos 

A Casa 11 -provações 

A Casa 12 – cobre-se com uma outra carta para dar uma interpretação completa. 

Todo o Jogo da Roda pode Ser Coberto depois, para esclarecer um ou outro ponto.

Até sempre
Obrigada pelo seu interesse.

TarotOraculos

Ana Paiva

Para que recordem :
http://tarotoraculos.blogspot.com/2010/10/leitura-3-as-12-casas-tarot-marseille.html

Publicada por tarotoraculos 0 comentários Hiperligações para esta mensagem

Etiquetas: 0raculo de Belline/TAROT – As 12 Casas – A RODA

 

 

 

Tarot Thoth

TAROT THOTH

SIGNIFICADO HORIGINAL – INTRODUÇÂO SUMÁRIA

As cartas de Crowley, seu significado original, bem como uma parte do simbolismo astrológico e mitológico nelas contido:

As Cartas de Crowley constituem-se numa das melhores ferramentas previsões e leituras Kármicas – o Auto-conhecimento, na Arte da Previsão.

compõe-se de 78 cartas, divididas em: 22 Arcanos Maiores, que referem-se ao momento pelo qual o Consulente está passando e transmitem ensinamentos profundos e necessários 16 cartas da Corte, que se referem à pessoas importantes ao Consulente, indicando também necessidades de evolução e talentos especiais; e 40 Arcanos Menores, que se referem à lições de vida e a detalhes do tema, mais mais específicos e diretos, o dia-a-dia imediato. As cartas da Corte e os Arcanos Menores dividem-se – naipes: Paus ou Bastões, ligado ao elemento fogo-energia; Copas, ligado ao elemento Agua-emoções; Espadas, ligado ao elemento Ar-intelecto; e, Ouros ou Discos, ligado ao elemento Terra o Material

Os Arcanos Maiores

0 – O Louco – Dionísio

1 – O Mago – Mercúrio

2 – A Sacerdotisa – Ísis – A Deusa da Lua

3 – A Imperatriz – Vénus

4 – O Imperador – Áries

5 – O Hierofante – Touro

6 – Os Enamorados – Gêmeos

7 – O Carro – Câncer

8 – A Justiça – Libra

9 – O Ermitão- Virgem

10 – A Roda da Fortuna – Júpiter

11 – A luxuria – Leão

12 – O Enforcado – Cruz Invertida

13 – A Morte – Escorpião

14 – A Arte – Sagitário

15 – O Diabo – Capricórnio

16 – A Torre – Marte

17 – A Estrela – Aquário

18 – A Lua – Peixes

19 – O Sol

20 – O Julgamento – O EON

21 – O Mundo – Saturno.

As cartas da Corte e os Arcanos Menores:

Paus ou Bastões – Elemento Fogo

O Cavaleiro – Parte Ígnea do fogo

A Rainha – Parte Aquosa do Fogo

O Príncipe – Parte Aérea do Fogo

A Princesa – Parte Terrestre do Fogo


Ás – Energia fortíssima, o vigor de transformação
Carta 2 – Domínio – Marte em Áries
Carta 3 – Virtude – Sol em Áries
Carta 4 – Completude – Vênus em Áries
Carta 5 – Luta – Saturno em Leão
Carta 6 – Vitória – Júpiter em Leão
Carta 7 -Valor – Marte em Leão
Carta 8 – Agilidades – Mercúrio em Sagitário
Carta 9 – Força – Sol em Sagitário
Carta 10 – Opressão – Saturno em Sagitário.


Copas – Elemento Água

 

O Cavaleiro – Parte Ígnea da Água
A Rainha – Parte Aquosa da Água
O Príncipe – Parte Aérea da Água
A Princesa – Parte Terrestre da Água
Ás – Amor, Harmonia entre homem e mulher
Carta 2 – Amor – Vénus em Câncer;
Carta 3 – Abundância – Mercúrio em Câncer
Carta 4 – Exuberância – Lua em Câncer
Carta 5 – Decepção – Marte em Escorpião
Carta 8 – Prazer – Sol em Escorpião
Carta 7- Devassidão -Vénus em Escorpião
Carta 8 – Indolência Saturno em Peixes
Carta 9 – Felicidade – Júpiter em Peixes
Carta 10 Saciedade- Marte em Peixes.

 

Espadas – Elemento Ar

 

O Cavaleiro – Parte Ígnea do Ar
A Rainha – Parte Aquosa do Ar
O Príncipe – Parte Aérea do Ar
A Princesa – Parte Terrestre do Ar
Ás – A fonte dos poderes do Ar, força que se opõe à força natural
Carta 2 – Paz – Lua em Libra
Carta 3 – Dor – Saturno em Libra
Carta 4 – Trégua – Júpiter em Libra
Carta 5 – Derrota Vénus em Aquário
Carta 6- Ciência – Mercúrio em Aquário
Carta 7 – Frivolidade – Lua em Aquário
Carta 8 – Interferência Júpiter em Vénus
Carta 9 – Crueldade – Marte em Gémeos
Carta 10- Sol e Lua em Gémeos.

 

Ouros – Elemento Terra

 

O Cavaleiro – Parte Ígnea da Terra
A Rainha – Parte aquosa da Terra
O Príncipe – Parte aérea da Terra
A Princesa – Parte terrestre da Terra

Ás – Os poderes da Terra – Identidade do céu e da terra
Carta 2 – Trabalho – Júpiter em Capricórnio
Carta 3 – Trabalho – Marte em Capricórnio Marte em Capricórnio
Carta 4 – Poder – Sol em Capricórnio
Carta 5 – Preocunação – Mercúrio em Touro
Carta 6 – Êxito – Lua em Touro
Carta 7 – Fracasso – Saturno em Touro
Carta 8 – Prudência – Sol em Virgem
Carta 9 – Ganho – Vênus em Virgem
Carta 10 – Riqueza – Mercúrio em Virgem.

.Os Cavaleiros – Os mais sublimes, ativo, peça original da energia do elemento. Sua ação é rápida e violenta, mas passageira. No elemento do Fogo, por exemplo, o cavaleiro corresponde ao relâmpago.

As Rainhas – complementos dos cavaleiros.Recebem, fermentam e transmitem a energia original de seu cavaleiro.Rápido para receber essa energia, eles também estão equipados para resistir durante o período de sua função, mas eles não são o produto final.Eles representam a segunda fase do processo, cuja última e quarta etapa é a realização material.

O Príncipe é o Filho da Rainha (A filha do rei de idade) pelo cavaleiro que ganhou seu: ele é representado, portanto, como em um carro, saindo para realizar a energia combinada de seus pais. Ele é a causa ativa da união, e é a manifestação.Sua ação é conseqüentemente mais duradoura do que a de seus antepassados.

A princesa – representa a emissão final da energia original em sua conclusão, sua cristalização, sua materialização.Eles também representam o contrapeso, a reabsorção de Energia.

O TAROT THOTH  – O LIVRO DE THOTH – VISÃO PESSOAL

O Tarot de Crowley, TAROT  THOTH também chamado de Livro de THOTH,   (RETIRA todo o simbolismo mistico e esoterico  do Tarot de Marseille, em que se inspirou), CRIANDO O SEU PROPRIO E UNICO.

Aleister  Crowley (Edward Alexander Crowley- 1875-1947), mago inglês é um dos mais controvertidos personagens no cenário do ocultismo do nosso século., embora educado por pais protestantes rígidos e tradicionais,

Aleister Crowley cedo discordava dos princípios religiosos ,éra visto visto como,esquisito e diferente. Inclusive por sua família.Essa situação evolui, formando um ambiente hóstil, -sua mãe, dirigia-se a ele pela alcunha de 666, número da Besta. Crowley, criado por uma família protestante tradicional,ligado cedo a uma seita religiosa,rígida que acreditava que seus ministros tinham o carisma, o toque de Deus, vivendo em comunhão direta com o Senhor. numa idade muito jovem, em que seu senso religioso foi de encontro a magia e ao misticismo.

Crowley, adolescente, a sua vontade não foi desmotivada e continuou a pesquisar, em busca das informações, Iniciado na Ordem Hermética Golden Dawn (Aurora Dourada), em busca de novos conhecimentos, partiu pelo mundo.

Foi iniciado no Yoga Tântrico, aprendeu a transmutação e a grande utilização da energia sexual .

Grande Mago Contemporâneo ,dono de uma bagagem plena de conhecimentos , dotado de uma, inteligência de génio e profunda sensibilidade, continuou e culminou numa explosão criativa,

Responsável pelo escalrecimento de inúmeros livros e escritos de alta magia, e desenhou seu próprio Tarot. Que Inicialmente, propunha-se apenas a fazer uma actualização e evolução do TarôT Clássico Medieval, tomando-o mais rico em informações esotéricas. Mas,inconformado conhecimento de Crowley – trabalho, longo de cinco anos. Esse Tarôt contém cerca de 1200 símbolo a,salientando-se, os pertencentes à antiga sabedoria esotérica, aos fundamentos científicos matemáticos, alquímico, filosóficos, antropológico e, ressalto, astrológicos

Recebeu por transmissão direta o comunicado das forças hierárquicas, que governam a Terra. Crowley nessa mesma transmissão, recebeu o anúncio da abertura da era de Aquário. , o comunicado conhecido como o Livro da Lei constituiu-se no fundamento de seus ensinamentos, influenciando significativamente o simbolismo das cartas em seu Tarot.Apresenta de forma hermética, sintética e organizada a essência da verdade,extraída de diversas religiões, filosóficas e ciências, que partilham os seus ensinamentos, fornecendo ao homem um sistema próprio que,, indica seu caminho espiritual.

A leitura de suas cartas traz à tona toda e qualquer informação que o consulente queira, abrangendo desde suas vidas passadas, até seus momentos futuros, seus caminhos, previsões suas cartas pessoais, constituindo-se num verdadeiro oráculo contemporâneo. A simbologia astrológica contida em suas cartas, pode, desde que lida em consonância com o Mapa Astral do consulente, garantir uma altíssima dose de precisão na leitura

Crowley chamou seu método de “Iluminismo Científico”, e frase “O Método da Ciência. A meta da religião”. Essa frase mostra que, a verdade é uma só. quintessência divina em cada ser humano.

Na minha pesquisa, tive a oportunidade de ver alguns videos de rituais, ainda realizados, hoje pelos seus seguidores. Não é por acaso, a que surgem 3 Magos no seu Tarot, a duplicidade da personalidade, é bem sublinhada no seu percurso. A mistura do Profano e do Sagrado.

TAROTORACULOS

obrigada pelo vosso interesse

Ana Paiva

TAROT MARSEILLE e O TAROT ESOTERICO

Etteilla  de nome  Jean-Baptiste Alliette, foi o primeiro a DESENHAR o Tarot de Marseille (1738-1791),, também o francês (contemporâneo) de Gebelin), é um  nome de a citar  na história do Tarot, (divulgação do baralho e  livros –  Manière de se récréer avec le jeu de cartes nommées tarots (Maneira de se divertir com o jogo de cartas denominadas tarots), +-1785, e  reeditado O Livro de Thoth, acompanhado das 78 cartas

Etteilla  refere  indicações práticas que tiveram grande influência sobre os cartomantes da época, como foi o caso de Mlle.Lenormand..

Etteilla foi o primeiro a publicar uma relativamente completa linguagem e gramática para o Tarô, uma metodologia prática para seu uso e certas correspondências. Todavia, por seu mérito, ele reinou sobre algo que nenhum de seus companheiros pôde ter tido crédito: criou a ferramenta e ainda contemporânea a prática para a adivinhação relacionada a outras formas de Esoterismo. Graças, em grande parte a Etteilla, muitos ocultistas e pessoas afins puderam utilizar um baralho de Tarot especialmente desenhado para fins Esotéricos e aplicar um método, relativamente completo, coerente e racional para acessar sua sabedoria e poder.

Eliphas Levi, nome  Alphonse Louis Constant Seminarista (1810-1875), filósofo e artista plástico dedicou-se  ao estudo dos símbolos e que deixou muitos seguidores. Autor do livro “Dogma e ritual da Alta Magia” (1856), descreve o Tarôt como uma síntese da ciência e chave universal da Cabala. Estabeleceu a correspondência entre as 22 letras do alfabeto hebraico( os 22 caminhos da Árvore da Vida quew se unem entre si os Sephirot  – e os 22 Arcanos Maiores., invoca a Cabala, a alquimia e a astrologia, bem como a tradição hermética, Eliphas Levi defendia que o Tarot oculta os segredos dos antigos conhecimentos.

Deste período, próximo de Stanilas de Guaita, destaca-se Oswald Wirth   suíço, autor de obras que se tornaram clássicas, como: “O simbolismo hermético em suas relações com a alquimia e a franco-maçonaria”, “O simbolismo astrológico” e, sobretudo, “O Tarô dos imaginários (dos santeiros) da Idade Média”.

Ainda que se atribua a Wirth a primeira tentativa de conceber e editar um Tarot especificamente esotérico, conhecido por Tarô Oswald Wirth, a série que idealizou e desenhou, em 1889, é fortemente inspirada no Tarô Clássico ou Tart de Marselha. maçom, o  seu trabalho não constituiu um “tarôt maçônico”, exclusivo,

Um deles, MacGregor Mathers (1854-1918), obteve grande notoriedade e está associado ao ressurgimento do ocultismo e da Magia na virada do século XIX.,Ligado a lojas maçônicas e a sociedades Rosa crucianas, fundadador da “Ordem  Aurora” Dourada” a   “Golden Dawn” com William Robert Woodman e William Wynn Westcott ,-  livro “O Tarot:” um pequeno tratado sobre a leitura das cartas”, até hoje publicado e traduzido ao português, MacGregor Mathers propõe-se a dar aos seus leitores “uma idéia do profundo significado das cartas de Tarot e de como ele poderá ser utilizado para fins divinatórios”(Um dos meus autores favoritos).

Entre os ingleses ligados aos estudos esotéricos e que se dedicaram ao tarô, Arthur Edward Waite (1857-1942) é um dos mais apreciados e traduzidos. Pesquisou e escreveu vários livros, “The Key to the Tarot” e The Holy Kabbalah”.

Sob sua iniciativa e supervisão, um baralho de 78 cartas – Tarot Rider – foi desenhado por Pamela Colman Smith.

Aleister Crowley (1875-1947).

Iinspira Lady Frieda Harris a redesenhar as cartas do TarôT. Esse trabalho,  rico estéticamente, afasta –se  completamente dos desenhos clássicos dos arcanos. O Tarô de Crowley só foi impresso pela primeira vez em 1971, com o livro The Book of Thoth. (ignorando também o valor simbólico)

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: